6 aspectos que o RH deve avaliar antes de contratar uma solução tecnológica para Educação

6 aspectos que o RH deve avaliar antes de contratar uma solução tecnológica para Educação

Antes de definir qual será a plataforma que abrigará os cursos, conteúdos e demais ações do programa de Educação Corporativa da sua empresa, é importante avaliar alguns aspectos dessa solução. Porém este pode ser um momento de muitas dúvidas para a área de Recursos Humanos, pois envolve diversas questões tecnológicas.

Pensando em auxiliar o profissional de RH no momento de contratação de um sistema como esse, nosso Coordenador de Projetos de Tecnologia Thiago Garcia elencou 6 pontos fundamentais que devem ser levados em consideração para o sucesso do seu programa!

 

 

Confira:

1.Funcionalidade

O sistema que você está avaliando atende todas as necessidades elencadas – tanto do RH quanto dos colaboradores que serão os usuários finais?

Caso você esteja substituindo um sistema já existente: a nova solução possui todas as funções do anterior? Atende a demanda de uso por parte dos colaboradores?

 

2. Confiabilidade

O sistema é estável ou acontecem erros frequentes durante a utilização dos colaboradores?

Caso aconteça uma falha crítica – você está preparando para que essa solução se recupere em tempo hábil  – evitando transtornos e até prejuízos para o negócio?

 

3. Usabilidade

Os usuários conseguem compreender tranquilamente as funções propostas pela plataforma?

O sistema prevê respostas adequadas quando o usuário insere um dado incorreto?

A solução é multiplataforma e/ou prevê diferentes meios de acesso – como mobile e desktop, por exemplo?

 

4. Eficiência

O tempo de resposta do sistema está dentro de um padrão aceitável?

Os recursos técnicos que estão sendo utilizados estão acima ou abaixo do necessário? É possível eliminar alguma função desnecessária para evitar desperdício de espaço e recursos?

 

5. Manutenibilidade

Em caso de erro é possível identificar a causa-raiz do problema de forma fácil? Quem você deverá acionar caso isso ocorra?

Caso seja necessário realizar algum upgrade na plataforma, como será esse processo? O sistema já é pré-configurado para essa evolução ou será necessário começar o processo do zero?

 

6. Portabilidade

Essa solução irá coexistir com outro sistema já utilizado?

Caso seja necessária, como funcionará essa integração?

 

Com a resposta para essas perguntas, você terá em mãos um sistema que atenda as necessidades, tanto de seu programa de educação, quanto dos colaboradores, evitando o desperdício de tempo e recursos. Desta forma, você certamente proporcionará a melhor experiência de aprendizagem para o seu colaborador!

Artigos Relacionados

O que é mais utilizado em termos de design para Educação Corporativa Digital?

Qual o papel do designer na construção de uma experiência de aprendizagem?

6 aspectos que o RH deve avaliar antes de contratar uma solução tecnológica para Educação

Ver mais